Esperança

“Tantos sonhos eu tive, eu sonhei com você.

Eram sonhos tão lindos”.

Eu nem acreditei que havia sonhado.

Você existia – era a vida, era o amor, era a existência voltando a se manifestar,

Sem esperar, por outras emoções que não fosse viver,

Tornar os sonhos realidade

E, esperando o que viesse acontecer.

Pois o meu sonho era apenas viver.

E

Num passe de mágica,

Os sonhos sobrepunham aos próprios sonhos.

Eu já não precisava dormir para sonhar.

O sonho era a vida!

A vida era o sonho!

Você existia – era a visão de todos os sonhos;

Era a realização, que eu sempre quis pra mim.

Eternamente sonhar com você.

Acordar,

Abrir os olhos, tendo você a meu lado,

Até onde a eternidade permitir.

Que tudo aconteça

Ou possa acontecer.

A espera é constante,

Como é constante esperar por você.

Mario Lucio – poeta, cronista, escritor e bibliófilo

Anúncios

3 Respostas para “Esperança

  1. Mario Lucio, você não imagina como é gostoso fazer comentários de suas crônicas, de suas poesias, pois eu me sinto dentro delas, sonhando com a própria realidade. Eu me sinto a própria personagem para quem foi feita a poesia. Eu sei que tudo não passa de um sonho, mas eu gostaria
    de ser a personagem real, era o mais puro encantamento de amor tendo todas as fantasias que eu pudesse imaginar.
    Obrigado, Mario Lucio por me dar esses breves momentos de felicidade.
    Abraços de Mônica – continue sempre assim.

  2. Mario Lucio, por falar em esperança, eu tenho esperança de te conhecer um dia. Um poeta tão brilhante não pode ficar eternamente no anonimato. Mario Lucio, você tem que mostrar
    quem você é, pois existem poetas tão medíocres
    que aparecem na mídia todo dia. Esperança é uma poesia belíssima. É uma poesia que todo mundo que não é poeta gostaria de escrever, até os poetas medíocres gostariam de escrever essa poesia, para sentirem-se mais leves, com menos culpa, com menos remorsos de tanto enganar os leitores.
    Abraços e Beijos da Andressa.

  3. Que texto lindo e interessante!
    Engraçado que ontem quando comentastes sobre ele, eu associei a outro tipo de esperança, que não estivesse relacionada a relacionamentos amorosos.
    Mas na verdade, ao ler a poesia, percebo que na verdade, a esperança perpassa por todos os aspectos de nossa vida.
    abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s